A Grandeza de uma pessoa...

A GRANDEZA DE UMA PESSOA NAO SE MEDE PELO ESPAÇO QUE OCUPA NO NOSSO CORAÇAO, MAS SIM PELO VAZIO QUE DEIXA QUANDO ESTÁ DISTANTE.

sexta-feira, 28 de maio de 2010

Relíquias de S. Gualter - Guimarães



O restauro da Igreja de S. Francisco, em Guimarães, permitiu ‘descobrir’ no interior de uma imagem o que se pensa ser os restos mortais de S. Gualter, o padroeiro da Cidade-Berço.
“Para a população de Guimarães mas, sobretudo, para os católicos a descoberta das relíquias de S. Gualter, é um facto absolutamente extraordinário”.
As ‘relíquias’ do santo foram retiradas, do interior de uma imagem de roca de S. Gualter.
“Os restos mortais estavam dissimulados no interior da imagem, envoltos em linho, e constituíam o miolo de uma imagem que se supunha ser oca”, disse o responsável pela Ordem.
Durante o restauro da igreja onde é venerado o padroeiro da cidade de Guimarães, foram sendo encontradas ‘pistas’, indicando o local onde se encontravam os ossos que se pensa, pertencerem a Gualter, o monge franciscano que morreu em 1216.
“A igreja e algumas obras de arte sacra estão a ser restauradas conforme a capacidade financeira que a Ordem de S. Francisco tem para o fazer”.
As ‘pistas’ foram encontradas, ao longo dos anos, em actas do antigo mosteiro franciscano e em documentos existentes nos arquivos.
“A igreja foi construída no ano 1400 e em 1575, de acordo com documentos escritos, os frades mudaram de local os ossos do santo”.
Em 1800, foi pedida ordem ao Marquês de Pombal para colocar em exposição as relíquias do santo ‘protector’ da cidade de Guimarães.


in "Comercio de GMR"

1 comentário:

  1. E venham a Guimarães!
    Nada mais!!
    Ou mais não digo??

    ResponderEliminar